HIV Cura

Embora não tenha sido encontrada uma cura “oficial” para Aids e trata-se de uma doença listada como terminal, há muitos projetos atualmente em andamento que afirmam com fundamento cura para Aids. E HIV tratamento tem se mostrado eficaz fazendo com que pessoas vivam mais anos com a doença

Talvez a melhor cura para o HIV documentada venha da Alemanha, onde um homem, Timothy Ray Brown, de San Francisco é conhecido como “O paciente de Berlim”, porque esse é o lugar que ele foi tratado. E o médico que o tratou, Gero Hutter.

Alguns médicos continuam céticos de que ele esteja curado. Seu caso foi relatado pela primeira vez na mídia em 2008 e descrito no Jornal de Medicina da Nova Inglaterra em 2009.

Brown foi diagnosticado com HIV em 1995. Em 2006, ele também desenvolveu a leucemia, enquanto vivia na Alemanha. Hutter realizou um transplante de células estaminais do sangue usando um doador com uma mutação genética rara que oferece resistência natural ao HIV. Hutter disse que a resistência foi transferida para Brown.

Apenas cerca de 1 por cento da população do norte da Europa tem esse recurso.

Dentro de algumas semanas após o transplante, de acordo com Hutter os testes mostraram que Brown havia sido curado.

Brown agora se sente fantástico e diz que encontrou a HIV cura, embora ele ainda carregue o HIV inativo em seu sistema que não é capaz de replicar o vírus.

O problema com isto é que a cura exige um doador de sangue, que corresponde a si e que também é naturalmente resistente ao vírus HIV, o que é consideravelmente muito difícil de encontrar.

O paciente agora coloca-se à disposição dos cientistas e pesquisadores e pelo menos um outro homem agora não  está mostrando sinais de HIV após transplante de medula óssea.

Óleo de cannabis

Muitos de vocês já devem saber que o óleo de cannabis é uma cura fantástica para muitos tipos de câncer, mas o homem responsável por promover a utilização desse óleo em todo o mundo, Rick Simpson, tem histórias de pelo menos um homem que se tornou livre do HIV após o uso do medicamento maravilha que é o óleo de cannabis.

Porém ainda há muita polémica nesse assunto, pois a planta, mais conhecida como “maconha” é proibida na maioria do mundo, oque dificulta a pesquisa e utilização da planta para tratamento de doenças terminais como câncer e Aids.

Estudos recentes comprovaram que a maconha pode ajudar aliviar fortes dores em algumas pessoas, pois age na parte do cérebro responsável pela dor. A substância faz com que pessoas suportem mais dor, e tenha um certo alivio enquanto usam a planta cannabis.